<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://px.ads.linkedin.com/collect/?pid=3269306&amp;fmt=gif">
5 min read

Será o software de gestão de voluntariado demasiado difícil para os idosos o conseguirem aprender?

Featured Image

Os primeiros dias do software de gestão de voluntários

Nos primeiros tempos dos softwares online de gestão de voluntariado, havia uma crença partilhada de que os voluntários mais velhos não conseguiam utilizar computadores ou software. Os gestores dos voluntariados diziam que os seus voluntários mais velhos não tinham acesso a um computador ou telefone, ou que não estariam interessados em utilizar tal tecnologia. Eu gostaria de desafiar essa noção.

Os adultos mais velhos conseguem e utilizam mesmo computadores e software, muitas vezes até gostam do desafio de aprender coisas novas. Além disso, a tecnologia percorreu um longo caminho nos últimos anos, e as gerações mais velhas de hoje estão mais confortáveis do que nunca a utilizar computadores e smartphones. Nesta publicação no nosso blogue, vamos dissipar o mito de que os voluntários mais velhos não conseguem utilizar algumas tecnologias e dar-lhe algumas dicas para ultrapassar alguns dos desafios que surgem com qualquer mudança de sistema.

Porque é que algumas pessoas mais velhas não utilizam a internet

No início dos anos 2000, a Microsoft perguntou aos adultos mais velhos, que não utilizavam a internet, por que razão é que não o faziam. Os investigadores descobriram que não era porque achassem que não podiam, era porque simplesmente não viam motivos para se preocuparem com isso. Hoje em dia existem muitas mais razões para as pessoas mais velhas utilizarem a internet do que há duas décadas atrás, estas novas razões incluem manter o contacto com a família, gerir contas bancárias, fazer compras, investigação, viagens e até mesmo encontros. De acordo com Damona Hoffman, uma coach de encontros certificada em Los Angeles, na última década antes do COVID, o grupo de 60+ era um dos grupos etários nos quais os encontros online cresceram mais rapidamente. E o COVID tem mesmo acelerado ainda mais esse crescimento nos últimos dois anos, tal como tem acelerado todas as formas de utilização da Internet. E parece que este efeito veio para ficar. Segundo o Senior Living, cerca de 75% dos adultos mais velhos com uma ligação à Internet afirmam utilizá-la diariamente, e 70% dos que utilizam a Internet dizem que a sua utilização permanecerá a mesma ou aumentará quando deixarem de estar preocupados com o COVID.

Também vale a pena considerar quem são estes adultos mais velhos relativamente à tecnologia que estamos a utilizar. Uma pessoa com 80 anos, viveu hoje em dia mais de metade da sua vida pós-educação secundária, já após a introdução do primeiro navegador da Internet em 1992. Embora continuem a aparecer novas formas de utilizar a Internet, já não é propriamente um conceito novo para os seniores de hoje.

Estatísticas de utilização da internet atuais

Em 2021, de acordo com o Statista, 75% dos adultos com mais de 65 anos disseram utilizar a Internet, e entre os indivíduos de 50 a 64 anos, a percentagem era de 96 por cento. Na realidade, o número é provavelmente mais elevado, pois há casos, tais como quiosques, em que os voluntários fazem o check-in quando se voluntariam ou em que as interfaces são simples ecrãs tácteis que nem parecem ser nem os fazem sentirem-se como se estivessem ligados à Internet. Como tal, podemos facilmente estar a utilizar a Internet sem sequer nos apercebermos.

Isto leva-nos a outro ponto importante. Não estamos perante cenário de tudo ou nada. Pode ter acesso a um conjunto completo de ferramentas de software de gestão de voluntariado e os seus voluntários podem ter acesso ao seu portal no sistema, mesmo que alguns acabem por não utilizar tudo o que está lá disponibilizado para eles, ou até pode acontecer não o utilizarem de todo. No entanto, o tempo que poupará utilizando um software de gestão de voluntariado moderno e dedicado, facilitará o envolvimento de todos os voluntários, incluindo aqueles que requerem mais do seu tempo pessoal.

Marjorie Early Days of Volunteering

Quando Marjorie, (vestida para o seu papel de voluntária num museu da época) foi convidada a começar a entrar e a sair do seu turno usando um iPad, a sua única pergunta foi: "O que é um iPad? Dentro de alguns minutos após lhe explicarem, Marjorie era totalmente capaz de entrar e sair utilizando a tecnologia, o que automaticamente registava as suas horas e começava a poupar tempo valioso ao pessoal.

Possíveis desafios a ultrapassar

No entanto, como acontece com a implementação de qualquer sistema novo, poderão surgir alguns obstáculos a ultrapassar. Aqui estão alguns dos quais já ouvimos falar e algumas das formas que podem ajudar a ultrapassá-los.

Medo de cometer um erro com a tecnologia (ou pior, estragá-la).

  • Alivie a mente deles ao reiterar que quaisquer dados que eles acrescentem podem ser invertidos se cometerem um erro (e que não conseguem realmente estragar nada sem querer)
  • Encoraje-os a fazer perguntas
  • Crie um sistema de “Buddies” juntando voluntários interessados em ajudar outros voluntários a familiarizarem-se com o novo sistema (esta ideia foi-nos dada pelo nosso primeiro membro, o Centro Cívico de Oklahoma, já em 2001!)
  • Se estiver a implementar algo como um relógio de ponto pela primeira vez, crie uma posição de voluntariado orientada para ajudar as pessoas a entrar e sair com o auxílio da tecnologia para facilitar o período de transição

Quando eles não compreendem porque é necessário fazer a mudança.

  • Dê-lhes uma ideia de quanto dinheiro irá poupar à organização (Pode usar a Calculadora ROI aqui)
  • Se tem grandes planos de novos projetos que serão possíveis devido ao tempo que poupará, partilhe esses planos com eles.
  • Mostrar-lhes como o software voluntário pode melhorar a experiência de voluntariado. Entre outros benefícios, o software pode ajudar na verificação da sua agenda sem lhe telefonar ou enviar um e-mail, no acesso a um registo contínuo das suas horas, no acesso à formação remota e à sua própria conveniência, possibilita ver que turnos ainda precisam de voluntários, e podem ainda acrescentarem-se a si próprios ao horário (se tiverem sido pré-aprovados para o fazer).

Quando o Civic Centre Music Hall (onde uma elevada proporção de adultos mais velhos se voluntariou) começou a utilizar o nosso software de gestão de voluntários, 75% dos voluntários entraram no sistema durante o primeiro ano. No ano seguinte foram 90% e no terceiro ano foi de 100%. E isto foi há vinte anos!

Conclusão

Se está a hesitar em utilizar software dedicado de gestão de voluntariado porque pensa que os seus voluntários não estão preparados para isso, pode ficar descansado, eles estão. E depois de o utilizarem e trabalharem com o novo sistema, você e os seus voluntários vão olhar para trás e desejar que a mudança tivesse acontecido muito mais cedo.

Não tenha medo de pedir aos seus voluntários adultos e mais velhos que utilizem software. Os idosos utilizam tecnologia em muitos aspetos da vida, incluindo quando se voluntariam, e a utilização está a aumentar cada vez mais.


 

A sua Organização de Voluntariado está à procura da melhor forma de poupar tempo, dinheiro e mitigar riscos?

Saiba como o software de Gestão de Voluntariado de primeira categoria da Better Impact pode ajudar a sua Organização de Voluntariado com:

  • A Calendarização para os Voluntários
  • O Acompanhamento das Horas de Voluntariado e dos Relatórios de Resultados
  • A Comunicação e Coordenação dos Voluntários
  • O Recrutamento de Voluntários
  • A Integração e Formação dos Voluntários
  • E muito mais...
Comece hoje o seu período de avaliação gratuito do Software de Gestão de Voluntariado!

START YOUR FREE TRIAL NOW